Pular para o conteúdo principal

NÃO SEJAS MORNO NA VIDA CRISTÃ

By

Rev. João d'Eça, MD


"Conheço as tuas obras, que nem és frio nem quente. Quem dera fosses frio ou quente! Assim, porque és morno e nem és quente nem frio, estou a ponto de vomitar-te da minha boca"
(Ap. 3.15, 16)

 
 
Introdução:

Temos a necessidade de vivermos uma vida mais perto de Deus, seguindo os princípios de sua Palavra. O Evangelho de Jesus Cristo deve ser o nosso alvo de vida.

Algum tempo atrás existia a falsa ideia de que para se alcançar a salvação bastava converter-se ao protestantismo evangélico. Hoje ninguém mais pensa assim e substituíram esse pensamento por um outro tão nocivo e pernicioso: “aqui eu nasci, aqui eu vou ficar”, referindo-se à religião de seus antepassados.


Há um erro ainda maior nas igrejas evangélicas, que é o uso de métodos empresariais para se crescer em número, vangloriando-se desses métodos, como se eles estivessem abrindo as portas do céu. O pastor Paul Washer, numa de suas pregações falou sobre isso: “São métodos mundanos para atrair gente mundana”. Esquecem-se de que o que realmente importa é crescimento em graça e sabedoria de Deus.


Motivações X verdade

Separamos em duas classes as pessoas que hoje procuram uma igreja: os que o fazem por motivos mesquinhos, conscientes de sua inaptidão e pretendendo tão somente satisfazer os seus interesses pessoais, e um outro grupo, que aderem à igreja sem nenhuma consciência da responsabilidade que assumem. Nesses dois grupos não há nenhum compromisso com as eternas verdades do Evangelho.

O modo como temos visto as pessoas vivendo nos círculos evangélicos, mostra o estado espiritual das suas almas. Abandono da vida reta, sem fervor na oração, analfabetismo bíblico. São esses e outros os resultados de uma vida longe dos valores do reino, em que pese estarem na igreja.
 

Mau testemunho

Crentes mornos são um péssimo testemunho. O Senhor diz que os mornos serão vomitados da Sua boca. Os mornos são inativos, nem vivem uma vida santa nem produzem para o reino de Deus. Os indivíduos frios também são um péssimo testemunho, eles contradizem as verdades santas e os preceitos divinos, são egoístas, avarentos e impuros. Que vergonha para a igreja de Deus são os que são frios e mornos no meio do povo de Deus.

A única razão de ser de um cristão está na propagação da moral do reino de Deus, no ideal de uma vida pura, seja privada ou publicamente. Se nos falta uma vida assim, se não mostramos com o nosso viver diário uma moral elevada, nada mais nos resta.


A influência cristã

Irmãos, se o que pregamos não faz nenhuma diferença em nossa vida e nem produz nenhum melhoramento na sociedade, então estamos faltando com a verdade da nossa fé em Deus, desonrando o nosso Senhor e desrespeitando, mentindo e enganando para a s pessoas que nos ouvem. O alvo de Cristo para nós, é que mantenhamos uma vida tão em conformidade com o Evangelho de Jesus, que esteja de acordo com a moral do Evangelho santo, que nem o mais desprezível inimigo não tenha o que dizer contra nós.

Nem sequer sonhamos com o poder que uma influência cristã pode trazer de benefícios para uma nação. É hora de pararmos para revermos os nossos conceitos e o nosso modo de vida. O que Jesus nos exorta a fazer pode fazer toda a diferença: O caráter cristão, a humildade, a pureza de pensamentos e propósitos, seu amor e o poder que recebem do alto, farão da sociedade em que vivemos um lugar agradável de se viver, enquanto aguardamos o nosso transporte para o céu.
 

Conclusão:

Está nas nossas mãos fazer essa revolução acontecer. Uma vida cristã sincera, honesta e vibrante, consegue afetar as fontes do espírito humano, consegue conquistar mais respeito, consegue fazer o mundo ler em nossa vida o Evangelho de Jesus Cristo.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

DICIONÁRIO "MARANHENSE" !!!

Por



Rev. João d'EçaJoão do Vale, nosso poeta popular, em uma de suas canções diz: "minha terra tem belezas que em versos não sei dizer; mesmo porque não tem graça, só se vendo pode crer..."As coisas do Maranhão são espetaculares, sua natureza é exuberante, suas cidades são magnificas e sua Capital é encantadora. Eu amo minha cidade de paixão.Há muita coisa que não gosto em São Luís, não tem nada a ver com a natureza ou com a sua história, mas tem a ver com algumas pessoas que tiram a paz de outras pessoas, sem respeitar os seus direitos, mas isso é outra história...Quero lhes apresentar algumas palavras do vocabulário popular maranhense (está bastante incompleto, mas já é alguma coisa, desafio os leitores a me escreverem e me ensinarem novas palavras desse nosso rico "dicionário popular maranhense").Recebi de um amigo, numa lista de E-mails, essa lista que lhes apresento abaixo, achei muito divertido e interessante, fiz algumas adaptações e publico aqui e agora…

"LANÇA O TEU SOBRE AS ÁGUAS" - Eclesiastes 11: 1

PorRev. João d'EçaO texto diz: "Lança o teu pãp sobre as águas, porque depois de muitos dias o acharás"O que será que as Escrituras Sagradas estão nos ensinando aqui?A palavra "pão" sempre foi figura daquilo que ganhamos no dia-a-dia. As pessoas nos indagam: - "Você está indo pra onde?"- Vou ganhar o pão de cada dia (trabalho).Os estudiosos do AT, nos dizem que aqui há duas figuras:1ª Figura: AS CHEIAS DO RIO NILO - Eles jogavam as sementes quando a enchente estava baixando, no final da baixa, as sementes do trigo e da cevada, floresciam.2ª Figura: O COMERCIANTE - O comerciante pegava o seu barco, carregava com os bens que havia produzido e sai para comercializar em outras terras. "Lança o teu pão sobre as águas, porque depois de muitos dias o acharás".No versículos 2, o escritor sagrado nos dá uma lição preciosa, ele nos diz que devemos diversificar a nossa aplicação, porque não sabemos o que ácontecerá amanhã.Como servos dos Deus vivo, o S…

QUALIDADES DE UM BOM DESPENSEIRO.

Por Rev. João d'Eça Sermão pregado na Igreja Presbiteriana Monte Moriah, São Luís, MA, dia 14/01/2007 As qualidades de um bom despenseiro. "Servi uns aos outros, cada um conforme o dom que recebeu, como bons despenseiros da multiforme graça de Deus". (I Pedro 4: 10). Introdução: O termo despenseiro tem o significado de alguém que cuida da despensa, ou seja, é o local da casa onde se guarda os alimentos e os outros mantimentos, nesse caso, despenseiro é o que toma de conta de toda a despensa, é uma espécie de Mordomo. No caso do texto básico da mensagem, despenseiro é aquele que administra os dons da multiforme graça de Deus, de maneira que pessa abençoar a si mesmo e ao seu próximo. * Muitas pessoas pensam que todas as coisas são sua propriedade. * A Bíblia nos ensina diferente, pois diz: "Do Senhor é a Terra e a sua plenitude, o mundo e os que nele habitam." ( Salmos 24:1). O profeta Ageu diz também: "O ouro e a prata são seus." * O…