Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Maio, 2012

Rev. Frans Leonard Schalckivic e Rev. João d'Eça

CAPA DEFINITIVA DO LIVRO

Esta é a capa definitiva do livro: "A história da Igreja Presbiteriana do Maranhão"
Será lançado em dois volumes no próximo mês de junho.

NOTAS DIÁRIAS DA BÍBLIA - O PRIVILÉGIO DO JUDEU - ROM. 3: 1-18

O apóstolo Paulo pergunta: Havia algum privilégio particular em se ser judeu? A resposta é sim. Eles tinham a honra de ter sido o povo a quem foi confiado os "oráculos de Deus", v, 2. A revelação veio por intermédio dos judeus, ou como o próprio Jesus Cristo disse: "porque a salvação vem dos judeus" (João 4:22).
A promessa da salvação, a realização da mesma, o conhecimento e o registro da salvação, tudo veio mediante o povo eleito. Deus cumprirá a sua promessa na salvação de judeus também, não de forma diferente de como são salvos os gentios. Deus usará dos mesmos critérios.
Os judeus não menos culpados do que os gentios, isso Paulo já dizia no início da igreja. Ele mostrou que tanto judeus quanto gregos e gentios estavam debaixo do pecado (v, 9).
"Não há nenhum justo", "não há quem entenda", "não há quem busque a Deus", "não há quem faça o bem", "nem sequer um".

NOTAS DIÁRIAS DA BÍBLIA - VIDA INTERIOR E VIDA EXTERIOR - Rom. 2: 17-29

Paulo nos diz: "...porque nem todos os de Israel são, de fato, israelitas; nem por serem descendentes de Abraão são todos seus filhos...." (Rom. 9: 6, 7). "Judeu é aquele que o é interiormente" (v, 1: 29).
O verdadeiro Israel de Deus é aquele que tem a mesma fé de Abraão. A única circuncisão que é aceita por Deus, é aquela que o é no coração, de outro modo a circuncisão na carne não tem nenhum valor (Gl. 5: 6; 6: 15; I Co. 7: 19). Esses judeus a quem Paulo se refere estavam enganados, pelas seguintes razões:
1 - Aprovavam coisas excelentes, exigiam dos outros coisas extraordinárias, mas eles mesmos não seguiam o que exigiam. Para eles, conhecer e admirar a Lei, era tudo o que eles queriam;
2 - Orgulhavam-se da sua nacionalidade e da herança da lei, mas viviam quebrando-a, trazendo opróbrio ao nome de Deus;
3 - Buscavam o reconhecimento dos homens e não de Deus, v, 29.
De nada serve ser um crente somente exteriormente, somente na aparência, somente na carne. Nascer em um…

NOTAS DIÁRIAS DA BÍBLIA - JULGAMENTO DE ACORDO COM A VERDADE (Rm. 2: 1-16)

João Calvino ensinou nas Institutas que o homem para conhecer a Deus, tem de se auto-conhecer. Os calvinistas que elaboraram os famosos 5 pontos do calvinismo, estabeleceram no primeiro ponto que "O homem é depravado totalmente".
O homem está sempre tentando se justificar, não aceita a sua condição de pecador e acha que de algum modo é bom, não admite que os seus méritos nada valem diante do Deus Santo. O homem tenta de todos os modos esconder-se ou refugiar-se na mentira, contra o juízo de Deus. Os judeus do tempo de Cristo eram especialmente inclinados a isso. Eles achavam que o fato de terem sido circuncidados dava vantagem sobre as outras pessoas e era um meio de escapar ao juizo.
Paulo vem e discute o assunto (vv, 25-29). Eles condenavam o pecado das outras pessoas, mas eles mesmos eram culpados daquilo que eles condenavam nos outros (v, 3).
Ele haviam sido alvos da bondade de Deus (v, 4), mas se mostraram contumazes. Deus não faz acepção de pessoas (v, 11), os quais Deus …

NOTAS DIÁRIAS DA BÍBLIA - O CONTEÚDO DO EVANGELHO - ROMANOS 1:16-25

O Evangelho são as Boas Novas de Deus para a humanidade. A mensagem que Paulo anuncia aos pecadores encerram em si três fatos de significativa importância:
1 - "A Ira de Deus" (v, 18) -"Revelada do Céu contra toda a impiedade".
Essa não é uma boa notícia, convenhamos, mas ela abre caminho para a Graça de Deus, mostrando ao homem a sua condição desgraçada por natureza e prática. O homem recusa as evidências que a criação se lhe apresenta do eterno poder e da divindade do Criador, assim esse homem mergulha nas trevas, entrega-se às paixões carnais, julgando-se sábio, torna-se louco, fazendo conjecturas sobre a realidade do Criador.
2 - "A Justiça de Deus" (v, 17).
Isto é, a justiça que procede de Deus, o livre dom da Graça divina concedido ao que crê, a Justiça de Deus mediante a fé em Jesus Cristo (3: 32), este é o grande tema dessa carta.
3 - "O Poder de Deus" (v, 16).
Porque o pecado não só deixou o homem culpado, mas o enfraquece mais e mais a cada …

NOTAS DIÁRIAS DA BÍBLIA - A EXCELÊNCIA DO EVANGELHO - ROMANOS 1: 1-15

O evangelho de nosso Senhor e Salvador Jesus Cristo possui alguns títulos, dentre eles estão: "O Evangelho de Deus", "O Evangelho de seu Filho", e o "Evangelho de Cristo", vv, 1, 9, 16.
O Evangelho é a Boa Nova acerca de Jesus Cristo, Filho do Deus Altíssimo, há muito prometido pelo Senhor, o qual foi declarado Filho de Deus em poder, pela ressurreição de entre os mortos. Paulo, homem diretamente chamado por Deus e separado para o Evangelho diz: "Porque não me envergonho do Evangelho que é o poder de Deus para a Salvação", v, 16. Os que ouvem o Evangelho, os que creem no Evangelho e os que obedecem ao Evangelho, sejam quem for e de onde for, serão salvos eternamente. Nunca jamais se conheceu antes no mundo um poder semelhante.
Os homens simples e iletrados e ignorantes que pregaram o Evangelho, revolucionaram o mundo. Paulo não se envergonhou do Evangelho, que disposto a ir a Roma - então metrópole orgulhosa do mundo conhecido - apesar do escânda…