Pular para o conteúdo principal

QUALIDADES DE UM BOM DESPENSEIRO.

Por Rev. João d'Eça Sermão pregado na Igreja Presbiteriana Monte Moriah, São Luís, MA, dia 14/01/2007 As qualidades de um bom despenseiro. "Servi uns aos outros, cada um conforme o dom que recebeu, como bons despenseiros da multiforme graça de Deus". (I Pedro 4: 10). Introdução: O termo despenseiro tem o significado de alguém que cuida da despensa, ou seja, é o local da casa onde se guarda os alimentos e os outros mantimentos, nesse caso, despenseiro é o que toma de conta de toda a despensa, é uma espécie de Mordomo. No caso do texto básico da mensagem, despenseiro é aquele que administra os dons da multiforme graça de Deus, de maneira que pessa abençoar a si mesmo e ao seu próximo. * Muitas pessoas pensam que todas as coisas são sua propriedade. * A Bíblia nos ensina diferente, pois diz: "Do Senhor é a Terra e a sua plenitude, o mundo e os que nele habitam." ( Salmos 24:1). O profeta Ageu diz também: "O ouro e a prata são seus." * O certo é que, pensando bem, nós não somos donos de coisa alguma, aliás, nós mesmos somos criação de Deus. * O Homem é mero admistrador da graça de Deus em sua vida. * Como despenseiro de Deus, o homem precisa apresentar as qualidades de um bom despenseiro. Vamos ver algumas delas: 1) FIDELIDADE "Ora, além disso, o que se requer dos despenseiros é que cada um deles seja encontrado fiel" (I Corintios 4:2). *Fidelidade em tudo e em todas as situações. *6 dias para atividades seculares, Um dia para Deus. *Dasta-se os 7 dias semanais e às vezes falta dias na semana para tanta atividade. Esquecem-se de Deus - ISTO É INFIDELIDADE. = Não ler a Bíblia todos os dias, para buscar orientação de Deus - INFIDELIDADE. = Não cooperar com o trabalho do Senhor - INFIDELIDADE. = Não fazer uma só visita evangelística - INFIDELIDADE. *O despenseiro deve ser fiel em todas as circunstâncias. *A fidelidade é requerida tanto no máximo quanto no mínimo. Ninguém será fiel no muito se não o for no pouco ( Parábola dos Talentos - Mat. 25: 14-30). SEJAMOS PORTANTO, FIÉIS DESPENSEIROS DE DEUS. A segunda qualidade de um bom despenseiro é: 2) DILIGENCIA "Por isso, irmãos, procurai, com diligência cada vez maior, confirmar a vossa vocação e eleição; porquanto, procedendo assim, não tropeçareis em tempo algum". (II Pedro 1: 10). *Diligência é o mesmo que dedicação, que esforço. *O despenseiro descuidado é um mal despenseiro. Não é digno do cargo que exerce. *O despenseiro diligente é ativo, é zeloso, é dinâmico. Tudo em sua mão progride. = Somos despenseiros de Deus, e como tais, temos os nossos deveres. O avanço do Reino de Deus, da causa de Cristo, bem como o crescimento da nossa igreja, depende também da nossa diligência. = Se não formos diligentes na obra de Deus, não devemos esperar que haja crescimento, conversões e uma igreja forte e operosa. = Quando nos empenhamos, os Eleitos de Deus se convertem. Uma outra qualidade de um bom despenseiro é: 3) HONESTIDADE. "Pois o que nos preocupa é procedermos honestamente, não só perante o Senhor, como também diante dos homens". (II Cor. 8: 21). Como bons despenseiros de Deus, Ele nos pedirá contas, nos julgará pela nossa honestidade no uso daquilo que ele nos confiou. Podemos ser considerados desonestos, se enterrarmos os nossos talentos no descaso e no comodismo. * Boa Voz - Não a usa para Deus; * Capacidade para pregar - Não prega; * Oportunidade para falar de Cristo - Se cala. * Tempo disponível para visitar os necessitados - fica em casa. Se as coisas acontecerem desse modo, não estaremos sendo honestos para com Deus. =Se sabemos que devemos fazer o bem e não fazemos, estamos sendo desonestos com Deus. =A esposa crente que esconde o evangelho do marido ou vice-versa, estará agindo desonestamente. CONCLUSÃO: = O despenseiro desonesto não receberá as bençãos de Deus, porque não usou os recursos dados por Deus em benefício de si mesmo e dos outros. Jesus então lhes diz: "Lançai o servo inútil nas trevas exteriores". (Mateus 25: 30). Mordomos de Deus, sejam fiéis, diligentes e honestos na Sua divina Obra.

Comentários

Anônimo disse…
Amém.
Hoje estava ouvindo uma musica onde esta escrito algo parecido em sua letra: " Não quero ser reconhecido pelo meu dom,
Mas sim como alguém que abre mão de tudo pra viver momentos contigo. "

Eu Escolho
Ministerio Unção de Deus

Quando tudo em minha volta está difícil,
O que queres de mim?
E quando gasto o meu tempo fazendo o que sei,
O que queres que eu faça?
Me ensinas o que é certo, me mostra a boa parte.
Não quero ser reconhecido pelo meu dom,
Mas sim como alguém que abre mão de tudo pra viver momentos contigo.

Eu escolho ficar aos teus pés
E viver o meu tempo aqui
Prosseguindo em ti conhecer
Eu sei que vais me surpreender
Eu prefiro ouvir a tua voz
E saber o que pensas de mim
Pois eu quero te mostrar
Que a melhor parte pra mim,
É te adorar.

Marcos almeida.

marcos84rj@hotmail.com

Postagens mais visitadas deste blog

DICIONÁRIO "MARANHENSE" !!!

Por



Rev. João d'EçaJoão do Vale, nosso poeta popular, em uma de suas canções diz: "minha terra tem belezas que em versos não sei dizer; mesmo porque não tem graça, só se vendo pode crer..."As coisas do Maranhão são espetaculares, sua natureza é exuberante, suas cidades são magnificas e sua Capital é encantadora. Eu amo minha cidade de paixão.Há muita coisa que não gosto em São Luís, não tem nada a ver com a natureza ou com a sua história, mas tem a ver com algumas pessoas que tiram a paz de outras pessoas, sem respeitar os seus direitos, mas isso é outra história...Quero lhes apresentar algumas palavras do vocabulário popular maranhense (está bastante incompleto, mas já é alguma coisa, desafio os leitores a me escreverem e me ensinarem novas palavras desse nosso rico "dicionário popular maranhense").Recebi de um amigo, numa lista de E-mails, essa lista que lhes apresento abaixo, achei muito divertido e interessante, fiz algumas adaptações e publico aqui e agora…

"LANÇA O TEU SOBRE AS ÁGUAS" - Eclesiastes 11: 1

PorRev. João d'EçaO texto diz: "Lança o teu pãp sobre as águas, porque depois de muitos dias o acharás"O que será que as Escrituras Sagradas estão nos ensinando aqui?A palavra "pão" sempre foi figura daquilo que ganhamos no dia-a-dia. As pessoas nos indagam: - "Você está indo pra onde?"- Vou ganhar o pão de cada dia (trabalho).Os estudiosos do AT, nos dizem que aqui há duas figuras:1ª Figura: AS CHEIAS DO RIO NILO - Eles jogavam as sementes quando a enchente estava baixando, no final da baixa, as sementes do trigo e da cevada, floresciam.2ª Figura: O COMERCIANTE - O comerciante pegava o seu barco, carregava com os bens que havia produzido e sai para comercializar em outras terras. "Lança o teu pão sobre as águas, porque depois de muitos dias o acharás".No versículos 2, o escritor sagrado nos dá uma lição preciosa, ele nos diz que devemos diversificar a nossa aplicação, porque não sabemos o que ácontecerá amanhã.Como servos dos Deus vivo, o S…