Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Janeiro, 2012

22 ANOS DE CASAMENTO.

Sábado, 20 de janeiro de 1990, 18hs00, Igreja Batista, Celebrande: Rev. Silas Chaves, casavam-se, João d'Eça e Ilanajara.
São 22 anos de cumplicidade, 22 anos de felicidades, 22 de anos angústias nos momentos difíceis e de alegrias com longos sorrisos, 22 anos de gargalhadas e tristezas que nos fizeram crescer juntos, 22 anos de preocupação pelo filho que não vinha mesmo depois de três anos de casados e que depois se tranformaram em júbilo pelo nascimento daquele que veio pra ser o complemento da nossa felicidade, Caio.
Hoje comemoramos mais um aniversário de casamento, podemos dizer sem medo de errar: "Ebenezer, até aqui nos ajudou o Senhor" (I Sam. 7: 12).
Quando fiz 20 anos de casado, alguém me perguntou:
- Você esperava que durasse tanto o seu casamento?
Aquela pergunta me pegou de surpresa! Afinal eu nunca havia pensado nisso, simplesmente porque não casei pra separar, casei pra viver pra sempre com minha esposa, então respondí:
- Sabe que eu nunca pensei nisso. Nunca pen…

Declaração de uma Farmacêutica, em 20-01-2012.

Por
Ilanajara G. d'Eça
Quando pequena sonhava ser cientista, pois imaginava descobrir fórmulas mágicas para resolver problemas da humanidade. Farmacêutica, entendi que o segredo das descobertas era compensado quando em minhas mãos passava o medicamento, fruto de experimentos, que após dispensado alivia a dor quem sofre.
Após, então pensou em ser professora. Farmacêutica entendeu que ao orientar sobre a utilização de um medicamento, seus cuidados, contribuía não só para a formação de conhecimento em uma pessoa, mas evitava que esta vida corresse perigo.
Depois queria ser astronauta, astrofísica, coisa parecida, entrar em uma nave explorar o universo. Fazer cálculos imensos para construção de uma nave espacial para impedir que um grande meteoro atingisse a Terra e fizesse um grande estrago, como na série: “guerra nas estrelas”. Farmacêutica, descobriu que a maior viagem era conhecer o ser humano suas ações e reações quando um medicamento era administrado. Avaliar as condições e necess…

100 PRINCIPAIS LÍDERES RELIGIOSOS CITAM A TORÁ PARA COMBATER INVESTIDA PRÓ-HOMOSSEXUALISMO DE OBAMA

Bob Unruh


Em uma impressionante declaração formal que confronta diretamente os esforços de Obama, que durante todo o seu mandato buscou promover e normalizar o homossexualismo, uma coalizão de rabinos ortodoxos e respeitados profissionais de saúde mental afirma que o homossexualismo é um comportamento que pode ser mudado e curado com terapia, se a pessoa assim o desejar.

“O conceito de que Deus criou um ser humano incapaz de encontrar felicidade em uma relação amorosa a não ser que viole uma proibição bíblica não é nem plausível nem aceitável”, afirma o documento, intitulado Declaration on the Torah Approach to Homossexuality.

Ele afirma que a atração pelo mesmo sexo pode ser modificada e “curada”, e condena o “bombardeio propagandístico” que foi lançado “para persuadir o público sobre a legitimidade do homossexualismo”.

“Predominam na mídia as rotulações negativas que sugerem que quem não aceita o estilo de vida homossexual como legítimo o faz por ‘ódio’ ou porque é ‘homofóbico’. Ess…